Noticias CAPorto 

6ª. Corrida Portucale Tranquilidade

Participaram na 6ª. edição da Corrida Portucale Tranquilidade 9 atletas do CAP, obtendo os seguintes resultados: Gonçalo Rompante em 18º com o tempo de 37:39 Manuel David em 79º com o tempo de 41:12 Serafim Reis em 90º com o tempo de 45:55 Paulo Vilaça em 264º com o tempo de 48:07 Tiago Martins em 284º com o tempo de 48:29 Carlos Alves em 88º com o tempo de 49:00 Fatima Geraldes em 220ª geral e 10ª no escalão com o tempo de 46:50 Rita Silva em 543ª geral e…

+ info
Noticias CAPorto 

Miúdos em grande no Matosinhos CUP

O CAP saiu do Meeting Matosinhos Cup com imensos motivos de satisfação. Para além da conquista do último título regional da época para a nossa formação, pela infantil Rita Moreira no triatlo, os nossos atletas venceram cinco provas, foram alcançados seis recordes do CAP, para além de 14 pódios. Os medalhados e vencedores são referidos nos resultados que se publicam, mas quanto a novos recordes do CAP eis os seus protagonistas: Gonçalo Valente, no comprimento, triatlo e peso de infantis; Francisco Pereira na altura de iniciados; Rita Moreira no comprimento…

+ info
Noticias CAPorto 

Parceria Shamir-CAP

A Shamir é parceira do CAP – Centro de Atletismo do Porto, escola Rosa Mota, que se dedica à formação de jovens nesta modalidade. A missão da Shamir é garantir que todos estes atletas tenham uma visão perfeita do futuro que têm pela frente e garantir-lhes bons momentos. #shamir #eyes #eyecare #eyewear #eyehealth #lens #glasses #opticalcare #vision #visaoperfeita #lentesshamir

+ info
Noticias CAPorto 

O CAP na retoma

Dois atletas do CAP participaram na primeira corrida de milhares de atletas, realizada a Norte de Portugal, desde o início da pandemia. Nessa meia-maratona, que se disputou no Porto e em V. N. de Gaia, Tiago Gomes, V 35, foi 512° na geral, com 1h36m37s e Ricardo Silva, V45, terminou em 1186°, no tempo de 1h46m49s.

+ info
Noticias CAPorto 

O novo tiro de partida

Com os princípios de sempre e ambição redobrada, comecámos uma nova época esta semana. Com poucas desistências, entrada de quase duas dezenas de novos atletas nestes primeiros dias e uma equipa técnica reforçada, com prata da casa. Depois de duas temporadas complicadas em que não nos vergámos à pandemia, só desejamos voltar ao “velho” normal. Para mostrarmos à mais de centena de jovens que já estão connosco toda a riqueza do atletismo. O sucesso virá por acréscimo.

+ info
Noticias CAPorto 

Há Desporto em Alfaiates

…ARTIGO 2º – O CAP tem por fim desenvolver a educação física e o desporto, promovendo a sua prática, estudo e expansão, pretendendo ser um centro de cultura e distração… Foi com este enquadramento estatutário que um grupo de atletas, dirigentes e colaboradores do CAP, se deslocou, em 14 de agosto, até à aldeia de Alfaiates, uma pequena e bela povoação do concelho de Sabugal. O objetivo era apresentar e promover o atletismo à população local, em geral e, em particular, aos seus jovens. A atividade desenvolveu-se, na parte da…

+ info
Noticias CAPorto 

É bom ganhar em casa

Foi na “nossa casa”, o Parque de Ramalde, que a época terminou, com a disputa do Torneio Regional de Estafetas. O CAP apresentou quatro equipas e conseguiu três vitórias, o que significou ser o clube mais vencedor do torneio. Na formação, os 4×60 metros para benjamins e infantis, os nossos jovens não falharam. A equipa constituída por Diogo Sousa, Gil Martins, Gonçalo Valente e Samuel Rocha foi a primeira a cortar a meta, em 34,11 s. O mesmo fez o quarteto Mafalda Andrade, Mara Sereno, Beatriz Oliveira e Matilde Morujão,…

+ info
Noticias CAPorto 

Catarina e Melissa vice-campeãs nacionais. Francisco e estafeta ficaram ao pé do pódio

No último Campeonato Nacional da época, destinado a juvenis, o Centro de Atletismo do Porto teve duas vice-campeãs nacionais e outros excelentes resultados. Catarina Flor foi segunda no martelo, com 54,59 m, e Melissa Sereno obteve o mesmo lugar nos 100 metros barreiras, fixando um novo recorde pessoal em 14,64 s. Também com um novo recorde pessoal, Francisco Pereira, ainda iniciado, foi quarto no martelo, com 47,95 m, a 34 centímetros da medalha de bronze. No lugar seguinte aos do pódio ficou ainda a equipa de 4×100 metros masculina, constituída…

+ info